19/11/2012

Blog - uma janela para o mundo

Eu já fui mais cuidadosa com este blog, mas isso antes do advento das redes sociais.
A vida se mostra no facebook, não é mesmo?
Pelo menos é a impressão que temos no primeiro momento.

Com a mudança, fomos para uma região de 'apagão de sinal', lá não tem internet via cabo, a via rádio e a 3G simplesmente se recusam a funcionar. Isso é horrível para quem se via tão dependente da internet como nós. Entretanto, tem nos proporcionado um distanciamento interessante, pelo menos no meu caso.

Este final de semana fui na casa da minha irmã, e acessei o face. Nossa, não tive paciência para 5 min. Até dei umas risadas, porque, convenhamos, o povo se puxa na bobagem... mas fora isso, não se aproveita quase nada. Pelo menos é a impressão que tenho agora.

Isso me levou a uma reflexão:  porquê eu criei meu blog? como será q ele anda? porque acabei abandonando-o?

Lembro que tenho vários blogs (todos jogados às traças, tadinhos), que acabei abrindo um para cada 'dimensão' da vida, justamente para não atrapalhar os leitores com muitos assuntos distintos, confundindo os visitantes.

Gosto de escrever. Gosto de sentar aqui, abrir a postagem e jogar o texto, bem como quem joga a conversa em comum em uma roda de amigos, sem rodeios... sem preparação... sem frescura.

Gosto de, eventualmente, reler alguns escritos, é como revisitar uma vida já vivida, um alguém que um dia eu fui, alguém de quem gosto, emboa nem sempre sinta saudades.

Então decidi me reconciliar com o meu blog. Companheiro e amigo fiel. Registro de nossa história, que poderá ser visitado sempre por mim, pelos que me amam, e por quem quer saber mais sobre a "oração aos orixás" (há anos a postagem mais visitada!!!!).

e vc?

Seja sempre muito bem-vindo!

Postagens populares