06/06/2006

Prece de um Índio

Oh Grande Espírito,
cuja voz escuto nos ventos
e cujo sopro dá vida a todo o mundo,
escuta-me!
Eu sou pequeno e fraco.

E preciso de tua força e de tua sabedoria.

Permite-me andar em beleza
e faça que meus olhos sempre vejam
o vermelho e o púrpura do pôr-do-sol.

Faça com que as minhas mãos respeitem as coisas por ti criadas,
e que meus ouvidos se afinem para escutar a tua voz.

Torna-me sábio,para que eu possa entender as coisas que ensinaste ao meu povo.

Permita-me aprender as lições escondidas em cada folha e cada pedra.

Eu busco a força.

Não para ser maior que meus irmãos, mas para lutar contra o meu maior inimigo eu mesmo.
Permita-me estar sempre pronto para voltar a ti com as mãos limpas e
os olhos honestos, para que quando a vida se apagar,como o sol que se põe, meu espírito possa retornar a ti isento de vergonha.

William Lundberg


Ontem foi dia do meio ambiente, e eu nem tive tempo de postar nada...
Deixo esta prece indígena, ninguém conhece e ama esta mãe tão generosa, que é a Mãe Terra como nossos irmãos índios...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

olhe... e comente...

Postagens populares