14/05/2007

viva a diferença


A diferença...
a singularidade nos confere dignidade...
Somos criaturas únicas,
De um mesmo criador, cada um amado e criado como obra prima.
Porque sofrer, acreditando em conceitos vazios de beleza e valor?
Se cada um é único, porque passar a vida a se comparar?
Não há possibilidade de padrão estético!
Isso causa apenas sofrimento...

Aprendamos a amar o branco, o amarelo, o negro, o pardo, o índio...
Cada ser é único, moldado com amor pela mão do criador.

Lutemos contra o que nos afasta desta verdade.

E busquemos sempre neste amor a força para lutar contra o que faz o humano sofrer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

olhe... e comente...

Postagens populares